Navigation

Menos casos graves na Suíça de Covid-19 do que o esperado

O número de novas infecções por Covid-19 continua a aumentar, mas há menos casos graves do que se estimava. © Keystone/Gaetan Bally

O governo suíço se demonstra cautelosamente otimista em relação à pandemia, pois o número de novas infecções por COVID na Suíça parece estagnar.

Este conteúdo foi publicado em 19. janeiro 2022 - 11:42
swissinfo.ch/urs

Entretanto, as autoridades advertem que o número real de infecções pode ser três vezes maior do que o confirmado oficialmente devido a casos não detectados ou não relatados. "Podemos ser razoavelmente otimistas", ressaltou Virginie Masserey, do Depto. Federal de Saúde Pública (BAGLink externo, na sigla em alemão), em uma coletiva de imprensa na terça-feira.

Masserey afirmou que o número de contaminações pela variante Omicron pode ter atingido o pico no país, mas advertiu que ainda era muito cedo para levantar as restrições sanitárias existentes, pois não se pode descartar um aumento adicional das infecções.

Os números oficiais mostram 29.142 novos casos de Covid-19 foram registrados nas últimas 24 horas, e apenas um por cento de aumento em relação à média de sete dias.

O número de internações hospitalares por Covid começa a estagnar, enquanto o número de pacientes em terapia intensiva diminui ligeiramente.

Variantes Omicron e Delta

Msserey observou que há indicações crescentes de que a variante Omicron é mais fácil de controlar do que a Delta.

Na mesma linha, Rudolf Hauri, médico-chefe do cantão de Zug, expressou surpresa com os últimos dados. "Também esperava ver números mais altos", disse.

As declarações dos especialistas contrastam fortemente com um cenário apresentado pelo grupo de trabalho científico do BAG na semana passada. De acordo com seus cálculos, um forte aumento nas hospitalizações poderia ser esperado.

O governo decidiu encurtar os períodos de quarentena e isolamento das pessoas infectadas ou em estreito contato com elas. Também propôs a prorrogação das atuais medidas anti-Covid até o final de março.

Em conformidade com os padrões da JTI

Em conformidade com os padrões da JTI

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?